Please reload

Posts Recentes

O que é Osteoporose

 

Doença que atingi os ossos do corpo, fazendo com que fiquem fracos e aumentando as chances de fraturas.

 

Mesmo sendo mais comum entre as mulheres acima dos 45 anos, os homens também são vulneráveis, porém mais tarde, já que eles possuem hormônios como a testosterona, que retarda o desgaste ósseo, e tem sua taxa reduzida com a idade, ao contrário, que nas mulheres há uma redução brusca dos hormônios femininos na menopausa.

 

Fatores como: queda dos níveis de estrógeno, fumo, alcoolismo, sedentarismo e má alimentação podem resultar em ossos frágeis.

 

COMO DIAGNOSTICAR A OSTEOPOROSE?


A densitometria óssea é um exame que deve ser realizado quando houver alguma suspeita ou se a pessoa estiver no grupo de maior risco de apresentar osteoporose como mulheres na menopausa ou homens acima de 65 anos.

 

É um exame de imagem que avalia com precisão e rapidez, a densidade mineral óssea comparada com padrões pré-estabelecidos para idade e sexo.

 

O exame é realizado especialmente para diagnóstico de quadros de osteopenia ou de osteoporose, afecções que apresentam uma redução dos níveis de minerais e, consequentemente, elevado risco de fraturas, pois os ossos encontram-se mais frágeis.

 

DICAS PARA PREVENÇÃO DA OSTEOPOROSE COM MEDICAMENTOS.

 
Hoje no mercado farmacêutico existe uma variedade de medicamentos utilizados para auxiliar no controle da osteoporose, diminuindo assim, o risco de fraturas.

 
Algumas classes são citadas abaixo:

 

Alimentos, bebidas (água mineral, chá, café, leite ou suco) e medicamentos contendo cátions polivalentes (tais como: cálcio, magnésio, ferro, alumínio, antiácidos e complexos vitamínicos com sais minerais) podem interferir na absorção dos bifosfonatos e não devem ser administrados concomitantemente com estes medicamentos. Eles devem ser administrados com um copo cheio de água filtrada 30 minutos antes da primeira refeição pela manhã e permanecer em pé ou sentado neste período.


Estes cuidados devem ser tomados em virtude desta classe de medicamentos pode causar distúrbios gastrintestinais, úlceras pépticas e esofagite e pela sua dificuldade de absorção no organismo.

 

O raloxifeno pode ser administrado por via oral podendo ser tomado a qualquer hora do dia independente das refeições. Pode estar associado ao risco tromboembolismo venoso. As ondas de calor e as câimbras nas pernas são comuns.

 

Quando for necessário administrar carbonato de cálcio com medicamentos que contenham ferro ou com antibióticos como tetraciclinas, os mesmos devem ser ingeridos em espaço de tempo de pelos menos 2 a 3 horas com relação ao carbonato de cálcio. A ingestão simultânea de certos alimentos como espinafre pode reduzir a absorção de cálcio.

 

Antiácidos que contenham magnésio quando usados concomitantemente com Vitamina D podem resultar em hipermagnesemia, especialmente na presença de insuficiência renal crônica.

 

 

Please reload

Galeria de Fotos
 
Endereços
Encontre-nos

Loja01. Rua Pedro Augusto Bossardi 1017 - Quatro Barras, PR

Tel: (41) 3672-1036

Loja02. Rodovia do Caqui (PR506)

1724 - Campina G. do Sul.

Disk Entrega: (41) 9834-1113

 

© 2016 - Orgulhosamente criado por                          Hospedagem